Juíza Maritza Gonzalez-Flores

Um suspeito deassassinato de um cartel mexicano foi pego depois de entrar ilegalmente no. O suuspeito, José Antonio Hernández Rangel, 27, é conhecido como “Scarface” e ele foi identificado pelas autoridades mexicanas como trabalhando com uma facção de Los Zetas, conhecida como CDN, ou Cartel do Norte. CDN é a facção Los Zetas no controle de – e sediada em – Nuevo Laredo, Tamaulipas, imediatamente do outro lado da fronteira de Laredo, Texas.

Scarface surgiu em Piedras Negras, Coahuila, no início de outubro com uma equipe de outros suuspeitos de assassinatos. As autoridades estaduais visavam o grupo e detiveram Scarface e pelo menos oito de seus supostos pistoleiros em uma série de prisões, ataques e uma luta armada. Apesar da operação, uma juíza do estado mexicano liberou ele e seus homens armados quase imediatamente, alegando que não havia evidência suficiente para processá-los.

Poucos dias depois de sua liberação, Scarface fora implicado, por uma testemunha ocular, em um duplo homicídio ocorrido em 22 de outubro de 2017.
Naquele duplo homicídio, dois homens com vínculos conhecidos com o crime organizado foram assassinados. Scarface fora identificado como estando lá, juntamente com outros três suspeitos de assassinato. As autoridades mexicanas prenderam dois dos quatro supostos sicarios.

A mesma juíza mexicana que libertara o grupo apenas alguns dias antes, libertou os suspeitos de assasinos de cartel Los Zetas quase que imediatamente. Vários colegas dessa juíza, Maritza Gonzalez-Flores, suspeitam que ela trabalhe com CDN, já que muitas vezes liberta membros do cartel associados à CDN, mas não seus rivais, de acordo com várias fontes de aplicação da lei. A juíza Gonzalez-Flores vive em Eagle Pass, Texas, com algum tipo desconhecido de VISA ou cartão de residente.
Quase imediatamente após a juíza Gonzalez-Flores ter libertado os supostos pistoleiros de Scarface e ele ter sabido que as autoridades estavam atrás dele, Scarface entrou nos EUA por uma conhecida rota de contrabando do cartel Los Zetas