Sugestão de leitura: mediação por Rodrigo Kroth Bitencourt

Postado em 29 de fevereiro de 2016

As técnicas de solução consensual de conflitos estão ganhando muita força no país, ainda mais agora com a atualização do CPC e da lei de mediação. É necessário que os advogados e profissionais da justiça arbitral estejam atentos às mudanças promovidas na legislação.

Recentemente foi publicado um artigo na Gazeta do Povo, escrito por Rodrigo Kroth Bitencourt (*), muito útil para a compreensão de certos pontos destes dispositivos legais e a divulgação da arbitragem.

O novo Código de Processo Civil traz uma nova responsabilidade aos Tribunais: “criarem os Centros Judiciários de Solução Consensual de Conflitos”, para as audiências de mediação judicial.

Krouth detaca os princípios da mediação: “independência, imparcialidade do mediador, isonomia, autonomia e boa-fé entre as partes, confidencialidade, oralidade, informalidade, busca pelo consenso e da decisão informada”.

Além disso, aponta a divergência existente entre a Lei de Mediação e o Novo Código de Processo Civil a respeito da capacidade do profissional na mediação extrajudicial. Segundo a Lei, poderá ser qualquer pessoa capaz, e o Novo Código afirma que deverá ser um profissional capacitado por curso credenciado “devidamente certificado pelo respectivo Tribunal de Justiça ou Tribunal Regional Federal”.

Encerra concluindo que a “mediação extrajudicial é a melhor solução para os conflitos entre as partes, seja pela sua celeridade, seja pelo seu custo operacional”.

*Rodrigo Kroth Bitencourt, advogado do Vecchi & Bitencourt, graduando do Curso de Conciliação e Mediação Judicial
Fonte: Gazeta do Povo

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: .
Data de Publicação: 29 de fevereiro de 2016.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: .
Data de Publicação: 29 de fevereiro de 2016.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Publicações Relacionadas

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Trackbacks/Pingbacks

  1. Solução Consensual de Conflitos | Portal da Radio - […] https://www.cojae.com.br/2016/02/29/solucao-consensual-de-conflitos-mediacao/ […]
  2. Solução Consensual de Conflitos | CAP - Ely Silmar Vidal - […] https://www.cojae.com.br/2016/02/29/solucao-consensual-de-conflitos-mediacao/ Tags: […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *