Novo comando das forças armadas divide opiniões entre oposição

Postado em 1 de abril de 2021

O clima político em relação às instabilidades nas Forças Armadas Brasileiras melhorou com o anúncio dos novos comandantes, feito na quarta-feira, 31. Fontes dos bastidores políticos do planalto dizem que a apreensão se desfez, sobretudo com a chegada do general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira no comando do Exército. O novo general deve seguir a linha de trabalho de seu antecessor general Pujol. Essa é a opinião de vários interlocutores, como o seu colega de patente, general Paulo Chagas. “Tenho certeza que o Paulo Sérgio vai dar continuidade ao trabalho que vinha sendo feito. Eu entendo que as Forças mandaram os cinco mais antigos, porque o melhor critério para as Forças Armadas é sempre o critério da antiguidade, porque não tem nenhum outro tipo de viés”, disse.

No congresso, a fala é de que a escolha do general, que não era o favorito do presidente Jair Bolsonaro, reflete resistência da cúpula da instituição em politizar o ambiente do Exército. O deputado federal Major Vitor Hugo, líder do PSL na Câmara, parabenizou os novos comandantes. Até a oposição comemorou o nome. O deputado petista Paulo Teixeira disse que a nomeação afasta o terraplanismo das Forças Armadas. Já no senado, Jorge Kajuru trouxe questionamentos sobre a situação. “Vamos seguir vivendo em democracia? Essa dúvida foi alimentada na véspera do 31 de março, após a saída do ministro da Defesa e a troca de três comandantes das Forças Armadas, sem uma informação oficial do Executivo, que tem no comando um ex-capitão do Exército eleito por voto direito, o que não era permitido no regime militar”, argumentou. No executivo, o vice-presidente Hamilton Mourão, também vindo do Exército, desejou sucesso aos novos comandantes.

*Com informações do repórter Fernando Martins

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 1 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 1 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Publicações Relacionadas

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *