Intimado por Nunes Marques, Kalil autoriza cultos e missas em Belo Horizonte

Postado em 4 de abril de 2021

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD) foi intimado pelo ministro Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal (STF), a cumprir com “máxima urgência” a decisão que autoriza a realização de cultos, missas e outras cerimônias religiosas no país. Na tarde deste domingo, 4, o prefeito se pronunciou sobre a decisão judicial em suas redes sociais. “Por mais que doa no coração de quem defende a vida, ordem judicial se cumpre. Já entramos com recurso e aguardamos a manifestação do Presidente do Supremo Tribunal Federal”, disse. Antes da intimação, Kalil havia afirmado que a cidade seguiria as normas da Prefeitura, mantendo suspensas as celebrações religiosas.

Em decisão indivídual neste sábado, 3, Nunes Marques liberou cultos e missas em todo o país. No decreto, o ministro estabeleceu que as medidas sanitárias contra a Covid-19 devem ser adotadas durante as cerimônias. “A proibição categórica de cultos não ocorre sequer em estados de defesa ou estado de sítio. Como poderia ocorrer por atos administrativos locais? Certo, as questões sanitárias são importantes e devem ser observadas, mas, para tanto, não se pode fazer tábula rasa da Constituição”, afirmou o ministro.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 4 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 4 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Publicações Relacionadas

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *