Salles: ‘Quanto maior o apoio, maior a probabilidade de antecipar o fim do desmatamento ilegal’

Postado em 22 de abril de 2021

Em coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira, 22, após o discurso do presidente Jair Bolsonaro na Cúpula de Líderes sobre o Clima, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, afirmou que a probabilidade de antecipar a extinção do desmatamento ilegal, prevista para 2030, depende do envio de recursos de países e empresas estrangeiras ao Brasil. “Quanto mais recursos vierem, quanto mais apoio existir, maior a probabilidade de antecipar a extinção do desmatamento ilegal e a a redução de 50% dessas emissões [de gás carbônico]”, disse o ministro.

“Isso será tão e mais fortemente feito quanto a gente possa receber recursos tangíveis, volumosos e imediatos de países e empresas estrangeiras. Quanto mais recursos vierem, quanto mais apoio existir, maior a probabilidade de anteciparmos a extinção do desmatamento ilegal e a redução de 50% dessas emissões [de gás carbônico] que virá junto com a eliminação do desmatamento ilegal”, afirmou.

Salles também ressaltou que os repasses ao Fundo Amazônia, suspensos pela Noruega em agosto de 2019, podem ser restabelecidos em breve, desde que seja constatada uma tendência na queda de desmatamento na região. “Entendemos que a suspensão da fruição dos recursos do Fundo Amazônia, decisão da Noruega naquela altura, pode ser restabelecida, se ao final do ano de medição de ano de desmatamento, que se encerra no dia 31 de julho, houver número final que mostre a tendência de queda do desmatamento. [Nesse cenário] Abre-se a possibilidade de restabelecimento, mas essa é uma questão que remonta, obviamente, a posição dos doadores, sobretudo, a da Noruega”, afirmou.

Em seu discurso, Bolsonaro defendeu o Brasil dos ataques que o seu governo tem sofrido de diversos líderes mundiais, como o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e o presidente da França, Emmanuel Macron, a respeito da gestão ambiental, e afirmou que o Brasil, como o detentor da maior biodiversidade do planeta e potência agro-ambiental, está na vanguarda do enfrentamento ao aquecimento global. “Determinei que nossa neutralidade climática seja alcançada até 2050, antecipando em 10 anos a sinalização anterior. Entre as medidas necessárias para tanto, destaco aqui o compromisso de eliminar o desmatamento ilegal até 2030, com a plena e pronta aplicação do nosso Código Florestal. Com isso reduziremos em quase 50% nossas emissões até essa data. Há que se reconhecer que será uma tarefa complexa”, afirmou o presidente.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 22 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 22 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Publicações Relacionadas

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Publicação de Alexandre Knopfholz na Gazeta do Povo

O advogado  Alexandre Knopfholz, do Núcleo de Direito Penal do Escritório, publicou, no dia 14/06/2021, o artigo no site Gazeta do Povo, com o tema “Uma só Constituição“. Confira o artigo aqui.The...

Uma só Constituição

*Artigo publicado na Gazeta do Povo, dia 14 de junho de 2021. Paira no país certa insatisfação com o STF. O atual conceito do tribunal difere grandemente daquele citado por ex-ministros notáveis,...

Artigos Relacionados

Presidente do TCU pede para a PF investigar auditor afastado do TCU

Presidente do TCU pede para a PF investigar auditor afastado do TCU

A presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministra Ana Arraes, pediu à Polícia Federal, na segunda-feira, 14, que seja aberto um inquérito para investir auditor do Tribunal de Contas da União (TCU) Alexandre Figueiredo Costa Silva Marques, apontado como autor...

Wilson Witzel recorre ao STF para não comparecer à CPI da Covid-19

Wilson Witzel recorre ao STF para não comparecer à CPI da Covid-19

O ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para não comparecer à CPI da Covid-19. Em pedido apresentado nesta terça-feira, 15, a defesa do político pede que ele não seja obrigado prestar depoimento aos senadores,...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *