Levy Fidelix, idealizador do aerotrem, morre aos 69 anos por complicações da Covid-19

Postado em 24 de abril de 2021

O político e empresário Levy Fidelix, de 69 anos, morreu na noite desta sexta-feira, 23, em razão de complicações da Covid-19. A informação foi confirmada pela página oficial do fundador e presidente do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB), sigla do vice-presidente Hamilton Mourão, no Twitter. Fidelix, que estava internado em um hospital particular de São Paulo, ficou conhecido por seu projeto do aerotrem, um projeto de trem-bala que ligaria Campinas, São Paulo e o Rio de Janeiro. Nas eleições de 2018, Levy concorreu ao cargo de deputado federal pelo Estado de São Paulo, mas não foi eleito. Em 2020, disputou o pleito pela Prefeitura de São Paulo, mas também não obteve sucesso.

José Levy Fidelix da Cruz nasceu em 27 de dezembro de 1951 na cidade de Mutum, em Minas Gerais. Se formou em Comunicação Social na Universidade Federal Fluminense (UFF) e começou sua carreira como assessor de comunicação e também atuou como jornalista. Em 1986 ingressou na política disputando sua primeira eleição como candidato à Deputado Estadual por São Paulo pelo PL. Também tentou uma eleição como deputado federal pelo PTR no fim dos anos 80 e em 1992 fundou o PRTB. Fidelix também já concorreu à Presidência por duas vezes. Para o cargo de governador, também foram duas e, para deputado federal, três.

Nas redes sociais de Levy Fidelix, o PRTB publicou um comunicado lamentando a morte de seu fundador e presidente. “É com profunda dor e pesar que o PRTB, por sua diretoria, comunica o falecimento do nosso Líder, Fundador e Presidente Nacional Levy Fidelix, ocorrida nesta data na cidade de São Paulo. Descanse em paz homem do Aerotrem!”, escreveram.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 24 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 24 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Publicações Relacionadas

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Publicação de Alexandre Knopfholz na Gazeta do Povo

O advogado  Alexandre Knopfholz, do Núcleo de Direito Penal do Escritório, publicou, no dia 14/06/2021, o artigo no site Gazeta do Povo, com o tema “Uma só Constituição“. Confira o artigo aqui.The...

Uma só Constituição

*Artigo publicado na Gazeta do Povo, dia 14 de junho de 2021. Paira no país certa insatisfação com o STF. O atual conceito do tribunal difere grandemente daquele citado por ex-ministros notáveis,...

Artigos Relacionados

Presidente do TCU pede para a PF investigar auditor afastado do TCU

Presidente do TCU pede para a PF investigar auditor afastado do TCU

A presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministra Ana Arraes, pediu à Polícia Federal, na segunda-feira, 14, que seja aberto um inquérito para investir auditor do Tribunal de Contas da União (TCU) Alexandre Figueiredo Costa Silva Marques, apontado como autor...

Wilson Witzel recorre ao STF para não comparecer à CPI da Covid-19

Wilson Witzel recorre ao STF para não comparecer à CPI da Covid-19

O ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para não comparecer à CPI da Covid-19. Em pedido apresentado nesta terça-feira, 15, a defesa do político pede que ele não seja obrigado prestar depoimento aos senadores,...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *