Secretário da Economia diz que governo não está preocupado com a CPI da Covid-19

Postado em 29 de abril de 2021

A CPI da Covid-19, instalada nesta terça-feira, 27, começará a investigar eventuais omissões do governo federal no combate à pandemia. Além disso, também será apurado o uso de recursos da União por Estados e municípios. Em uma tentativa de reunir argumentos de defesa para o governo Bolsonaro, a Casa Civil enviou para 13 ministérios uma lista com 23 acusações que podem surgir contra o governo federal durante a CPI da Covid-19. Questionado sobre o documento nesta quinta-feira, 29, o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco, analisou que o governo federal não está preocupado com as investigações. “Discordo que a lista seja uma confissão de culpa do governo. Todo mundo que, eventualmente, é submetido a questionamentos, estuda a situação e coloca no papel todas as possibilidades de acusações e respostas. O governo está tão despreocupado com a CPI que está colocando no papel as possíveis queixas com o objetivo de esclarecer cada uma delas”, disse Bianco em entrevista ao programa Pânico, da Jovem Pan.

O “incentivo ao tratamento precoce sem evidências científicas”, as “críticas ao isolamento social” e o “negacionismo” estão entre os pontos levantados na lista preparada pela Casa Civil. “O único receio que tenho é que a CPI atrase algumas ações do governo. Neste momento, a União precisa se preocupar em trabalhar para sair da pandemia, vacinando a população e retomando o ritmo de trabalho com segurança. Não enxergo nenhuma negligência do governo federal no combate à pandemia – pelo ao contrário, vejo uma destreza pontual para resolver todos os problemas das melhor maneira possível. Bolsonaro tomou atitudes muito concretas, não faltaram esforços para superar a crise. No entanto, as pessoas precisam entender que o governo federal possui suas limitações – sejam elas contratuais, relativas a prazos ou decisões vindas de outros Poderes”, analisou Bianco. Para o secretário, o Executivo está trabalhando, desde o início da pandemia, para “proteger a vida dos indivíduos na crise sanitária” e “manter a economia pulsando”.

Confira na íntegra a entrevista com Bruno Bianco:

 

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 29 de abril de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *