Alegando suspeita de Covid-19, Pazuello pede dispensa de depoimento na CPI

Postado em 4 de maio de 2021

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello comunicou à CPI da Covid-19 que teve contato com dois assessores com suspeita de coronavírus e alegou que não poderá comparecer ao Senado para prestar seu depoimento, marcado para a quarta-feira, 5 – o general já foi contaminado pela Covid-19 e ficou afastado do Ministério da Saúde no período de recuperação. A informação foi confirmada pelo vice-presidente da comissão, Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Por isso, o colegiado deve deliberar, ainda nesta terça-feira, 4, se Pazuello poderá prestar depoimento de forma virtual – esta hipótese é defendida pelo presidente da comissão, senador Omar Aziz (PSD-AM).

Na sessão desta terça-feira, 4, a comissão ouve os depoimentos do ex-ministros Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich. O primeiro foi demitido pelo presidente Jair Bolsonaro no início da crise sanitária, após um embate em razão de divergências sobre medidas de isolamento social e do uso de medicamentos ineficazes no tratamento da doença. Como a Jovem Pan mostrou, Mandetta será questionado se houve interferência do presidente da República nas diretrizes apontadas, à época, pela pasta. Os parlamentares governistas pretendem explorar orientações dadas pela equipe ministerial, entre elas, a de que as pessoas só deveriam procurar atendimento médico em caso de falta de ar – o objetivo era evitar a sobrecarga do sistema de saúde – e por que não foram adotadas barreiras sanitárias contra a doença.

Desde que seu depoimento foi aprovado pela CPI, Mandetta evitou dar declarações públicas. A interlocutores, porém, afirmou, nos últimos dias, que fará uma “fala técnica”. O ex-ministro sabe que será alvo da tropa de choque governista no Senado, mas pretende, através de dados e informações, fazer uma defesa de sua gestão à frente do Ministério da Saúde. “Ele não quer criar palanque político a ninguém”, afirma um correligionário do ex-ministro.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: André Siqueira.
Data de Publicação: 4 de maio de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *