Em carta a Bolsonaro, Mandetta disse que governo não apoiou orientações do Ministério da Saúde

Postado em 4 de maio de 2021

Em seu depoimento na CPI da Covid-19, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta afirmou que entregou ao presidente Jair Bolsonaro uma carta, no dia 28 de março de 2020, período em que ainda era o titular da pasta, para alertar o chefe do Executivo federal sobre os riscos da pandemia no Brasil. Mandetta pede que o governo “reveja o posicionamento adotado, acompanhando as recomendações do Ministério da Saúde, uma vez que a adoção de medidas em sentido contrário poderá gerar colapso do sistema de saúde e gravíssimas consequências à saúde da população”. À época, o país registrava 3.904 casos da doença e 114 mortes – mais de um ano depois, o Brasil possui 14.779.529 casos e 408.622 óbitos.

Em outro trecho da carta, Mandetta afirma que as orientações e recomendações feitas pelo Ministério da Saúde não receberam apoio do governo federal. “Em que pese todo o esforço empreendido por esta pasta par a proteção da saúde da população e preservação de vidas no contexto da resposta à pandemia do Covid 19, as orientações e recomendações não receberam apoio deste governo federal”, escreveu o então ministro. O depoimento do ex-titular da Saúde ocorre desde às 10h20 desta terça-feira, 4.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 4 de maio de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *