CPI da Covid-19 ouve presidente da Anvisa nesta terça-feira

Postado em 11 de maio de 2021

O presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) participa da CPI da Covid-19 nesta terça-feira, 11, e deve falar sobre o processo de liberação de vacinas contra o coronavírus. Quatro requerimentos foram apresentados ao colegiado pedindo a presença de Antonio Barra Torres. Em linhas gerais, os requerimentos questionam o fato da agência reguladora ter negado autorização à Sputnik V, imunizante produzido na Rússia contra a Covid-19, e os motivos sobre “atraso e omissão” na compra das vacinas. A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) tem 229 requerimentos que podem ser votados ao longo desta semana. São 79 convites para audiências públicas e 150 pedidos para a convocação de testemunhas. Se os requerimentos forem aprovados, dez ministros do presidente Jair Bolsonaro podem ser chamados a depor.

O atual ministro da saúde, Marcelo Queiroga, que já depôs ao colegiado, pode ser novamente convocado. Também podem ser chamados a depor os governadores da Bahia, Pará, São Paulo, Amazonas e do Piauí. Secretários de Saúde de Estados Nordestinos poderão ser chamados para esclarecer recursos repassados ao Consórcio do Nordeste para a compra de respiradores. Nesta quarta-feira, a CPI da Covid-19 deve ouvir o ex-secretário de comunicação do governo federal, Fábio Wajngarten. Em recente entrevista, ele acusou o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, de incompetência na compra de vacinas.

*Com informações do repórter Fernando Martins 

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 11 de maio de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *