Após pressão, governador do Rio volta atrás em lei contra o Escola Sem Partido

Postado em 21 de maio de 2021

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC), voltou atrás e vetou um projeto de lei que ia contra o Escola Sem Partido. O PL 9.277 foi publicado no Diário Oficial do Estado na quarta-feira, 19, e vetado em edição extra publicada nesta quinta, 20. Na prática, o projeto previa a liberdade de expressão e de pensamentos de professores, funcionários e alunos de escolas sediadas no Estado. “Todos os professores, estudantes e funcionários das escolas sediadas do estado do Rio de Janeiro são livres para expressarem pensamentos e opiniões no ambiente escolar sendo assegurado o mesmo tempo espaço e respeito para quem deles divergir, bem como a pluralidade de ideias”, dizia o projeto vetado por Castro. Em sua justificativa, o governador afirmou que decisões sobre implementações de medidas no ambiente escolar devem partido do chefe do Poder Executivo e que, por isso, o projeto vai contra o princípio de separação dos poderes. A decisão também foi tomada após a pressão de parlamentares contrários ao projeto. A deputada estadual Alana Passos (PSL) foi às redes comemorar o veto de Castro: “Como mãe, agora posso dormir tranquila e com a sensação de dever cumprido!”, disse a parlamentar.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 21 de maio de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 21 de maio de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Publicações Relacionadas

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *