TCU adia por 60 dias julgamento de processo sobre gestão de Pazuello na Saúde

Postado em 26 de maio de 2021

Acatando um pedido da Advocacia-Geral da União (AGU), o Tribunal de Contas da União (TCU) expediu nesta quarta-feira, 26, uma decisão que adia por 60 dias o julgamento sobre a administração do general Eduardo Pazuello à frente do Ministério da Saúde. O processo analisa eventuais omissões do Ministério da Saúde durante a pandemia de Covid-19. Iniciado em abril, o julgamento possui como base um relatório elaborado pela área técnica do TCU que aponta eventuais falhas na gestão de Pazuello. Com o parecer, a representante jurídica do governo federal ganha o prazo de mais 30 dias para se posicionar no processo, assim como os ministros do tribunal ganham mais 30 dias para analisar o caso. O general Eduardo Pazuello esteve à frente do Ministério da Saúde entre maio de 2020 e março de 2o21, sendo o ministro que permaneceu por maior tempo no comando da pasta durante a pandemia.

O ministro Benjamin Zymler, representante da área técnica do TCU, é relator do processo que avalia, neste caso, a aplicação de multas a Pazuello e seus ex-funcionários na pasta pelo suposto descumprimento de recomendações sobre testagem e assistência farmacêutica a estados e municípios. Os ministros definiram, por unanimidade, adiar o julgamento por 60 dias. Até o momento, Zymler votou por abrir outros processos em separado para analisar se o ex-titular da Saúde e seus ex-funcionários devem ser multados. Os ministros Bruno Dantas e Vital do Rêgo defenderam a aplicação imediata da multa. Já os magistrados Jorge Oliveira e Augusto Nardes pediram vista do processo, ou seja, mais tempo para analisar o caso. De acordo com o relator do caso, a AGU pediu que fosse prorrogado o tempo para se manifestar no processo, já que o caso demanda o acionamento de vários órgãos do governo federal.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 26 de maio de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *