Vereador de Belo Horizonte é expulso do Patriota por criticar Jair Bolsonaro

Postado em 1 de junho de 2021

O vereador Gabriel Azevedo, da cidade de Belo Horizonte, anunciou nesta terça-feira, 1, que foi expulso do partido Patriota por causa de críticas tecidas ao presidente Jair Bolsonaro e à família. Por meio de assessoria de imprensa, o político divulgou imagens do documento que formalizou a expulsão, assinado pelo presidente do partido em Minas Gerais, Hércules Marques Sá. Em um dos trechos da carta, a legenda lembra que o vereador apresentou um Compromisso de Independência no ato da filiação que o permitia garantir a “dispensa de militância partidária” contanto que ele garantisse a “convivência permeada pelo bom senso”. “Ocorre que o senhor, por reiteradas vezes, posicionou-se veementemente contra o atual Presidente da República bem como a outros parlamentares ligados à sua família. Ainda que suas redes sociais estejam desativadas, permanecem as manifestações e críticas que podem ser acessadas em breve consulta aos mecanismos de pesquisa”, diz trecho do documento. A carta afirma, ainda, que a atitude do vereador compromete as relações internas e políticas do partido.

Entre as notas veiculadas pelo presidente estadual do partido na carta estão reportagens de portais locais falando que o vereador pedia o impeachment do presidente. A expulsão de Gabriel Azevedo ocorre um dia após o Patriota anunciar, durante a Convenção Nacional, a filiação do senador Flávio Bolsonaro, que passa a ser líder da legenda na casa legislativa. Em discurso, o filho de Jair Bolsonaro pregou a unidade do partido, falou da pretensão de torná-lo o maior do Brasil e sinalizou a possibilidade do pai também se filiar para as eleições de 2022. Na ocasião, o presidente nacional da legenda, Adilson Barroso, afirmou que deveria formalizar o convite de filiação a Bolsonaro ainda nesta semana.

À Jovem Pan, o vereador informou que presidia uma sessão da Comissão de Legislação de Justiça da Câmara quando foi informado da presença do presidente estadual do Patriotas, Hércules Marques de Sá, com seu comunicado de expulsão. Ele chegou a fazer um vídeo ao lado do representante da sigla no momento em que teve o nome oficialmente desligado do sistema da legenda e outro registro do momento em que comunica sua saída do partido à presidente da Câmara dos Vereadores da cidade, Nely Aquino (Podemos). Nas imagens, Azevedo explica que ficará mais uma vez sem partido e chega a ser aplaudido por alguns dos colegas. “Com esse ato eu posso permanecer sem partido. Eu sou, inclusive, um defensor de candidaturas independentes, não acho que você precisa ter partido para exercer política. Vou permanecer no momento sem legenda”, afirmou. O diretório estadual do partido foi procurado pela reportagem, mas não respondeu até o momento.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 1 de junho de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigo: A PEC dos Precatórios

Um dos temas de maior repercussão recente na mídia é a Proposta de Emenda Constitucional nº 23/2021, que propõe alterações no regime constitucional de pagamento de precatórios. Confira aqui o artigo...

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *