CPI da Covid-19 pede reforço de três policiais federais com ‘máxima urgência’

Postado em 19 de julho de 2021

Em ofício enviado à Polícia Federal (PF), o presidente da CPI da Covid-19, Omar Aziz (PSD-AM), pede, “com máxima urgência”, o reforço de “três servidores da carreira policial, com acesso aos sistemas e experiência em análises de sigilos, para auxiliar o colegiado na condução das investigações, sendo um agente, um perito e um delegado”. A comissão conta com o auxílio de um delegado e de um agente da PF, além de auditores do Tribunal de Contas da União (TCU) e da Receita Federal. No documento, porém, o parlamentar alega que o quantitativo cedido pela corporação tem sido “insuficiente”, em razão “do expressivo volume de informações” recebidos pelo colegiado. “Explica-se que esta comissão tem agregado diversos elementos informativos que requerem a análise por uma equipe especializada. Embora a equipe gentilmente disponibilizada por esta Polícia Federal tenha prestado relevantes serviços ao colegiado, tem-se que, em razão do expressivo volume de informações, o seu quantitativo tem sido insuficiente. Diante disso, adicionalmente aos policiais já disponibilizados para auxílio a este Colegiado, requisita-se a designação de outros três Policiais, nos termos do presente ofício”, escreve Aziz.

Desde o seu início, no dia 27 de abril, a CPI recebeu mais de um terabyte de dados – esta é a maior quantidade que uma investigação do Senado já teve. Isto equivale a mais de 250 mil fotos, cerca de 500 horas de vídeo ou 6,5 milhões de páginas de documentos. Nos três primeiros meses de trabalhos, os senadores produziram mais de 1.100 requerimentos de informações e convocações, além de mais de 1.800 ofícios. A título de comparação, a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das Fake News, formada por deputados federais e senadores, acumulou aproximadamente 5 gigabytes de dados.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: André Siqueira.
Data de Publicação: 19 de julho de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *