STF anula operação contra supostas fraudes no Sistema S que mirou advogados de Lula e de Bolsonaro

Postado em 11 de agosto de 2021

Por 3 votos a 1, a Segunda Turma do STF anulou todos os atos do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, no âmbito da Operação Esquema S, que apura a suposta prática de tráfico de influência e desvios milionários na Fecomercio e outras entidades do Sistema S. A decisão invalida as buscas e apreensões feitas em cerca de 50 endereços ligados a advogados, entre eles Cristiano Zanin, que representa o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e Frederick Wassef, advogado da família do presidente Jair Bolsonaro. A Segunda Turma começou a análise em abril, mas um pedido de vista do ministro Nunes Marques adiou a decisão.

O julgamento foi retomado nesta terça-feira, 10, com o voto de Nunes Marques, que acompanhou o entendimento do relator, Gilmar Mendes, que já havia suspendido as investigações em outubro do ano passado. Mendes entendeu que a Justiça Federal do Rio não era competente para processar e julgar as ações penais provenientes da operação. “Indefiro o pedido de suspensão, adiamento do julgamento feito, formulado pelo MP. Reconheço a incompetência da autoridade para processar e julgar os fatos e determinar a remessa nos autos relativos a presente operação para a justiça estadual do Rio de Janeiro.” O entendimento também foi seguido por Ricardo Lewandowski.

Apenas o ministro Edson Fachin ficou vencido. Também foi determinada a devolução dos bens que haviam sido bloqueados pelo juiz. Em nota, Cristiano Zanin celebrou que o STF tenha reconhecido “ilegalidade flagrante no ataque promovido contra a advocacia”. Ele afirmou que os serviços prestados pelo seu escritório junto à Fecomercio estão “detalhadamente registrados” e que espera que Bretas seja punido por agir de forma “arbitrária e direcionada”. Na ocasião da deflagração da operação, Frederick Wassef disse que não cometeu nenhuma irregularidade e que “nada tem a ver com nenhum esquema” na Fecomercio.

*Com informações da repórter Letícia Santini 

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 11 de agosto de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 11 de agosto de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Publicações Relacionadas

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Homenagem da UFPR à memória do Professor René Dotti

A Universidade Federal do Paraná, por sua Faculdade de Direito, Programa de Pós-Graduação em Direito e o Departamento de Direito Penal e Processual Penal, homenagearão a memória do Professor Titular...

Artigos Relacionados

Citação Eletrônica: Cuidados que as empresas podem adotar

Citação Eletrônica: Cuidados que as empresas podem adotar

Citação Eletrônica A Lei nº 14.195/2021 foi publicada no dia 27.08.2021. Desde então, estão em vigor as regras que alteram o Código de Processo Civil. Uma das principais mudanças é o incremento à citação eletrônica das pessoas jurídicas, a qual deverá ocorrer,...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *