Após recesso, Câmara dos Deputados deve votar novo Código Eleitoral nesta quarta

Postado em 7 de setembro de 2021

A Câmara dos Deputados tenta acordo para votar o novo Código Eleitoral nesta quarta-feira, 8, depois do feriado. Antes, os parlamentares poderão apresentar emendas e destaques ao texto, que tem quase 900 artigos. As mudanças precisam ser aprovadas até outubro para valer nas eleições de 2022. Um dos pontos polêmicos é a quarentena de juízes e militares que pretendem se candidatar. No entanto, a medida, criticada por setores, só deverá entrar em vigor no pleito de 2026. Para a relatora do Código Eleitoral, deputada Margarete Coelho (PP), as atuais regras têm de ser aperfeiçoadas. “Procura organizar e sistematizar a legislação eleitoral brasileira, que hoje constitui-se em uma grande colcha de retalhos, grande arcabouço jurídico, com tipos lacunosos que dificultam a aplicação da norma eleitoral no caso concreto.”

Margarete Coelho já avisou que vai retirar do texto as sobras partidárias, pois existe um projeto semelhante em debate no Senado Federal. A regra dispõe sobre distribuição de vagas em eleições proporcionais entre candidatos a deputado federal, estadual e vereador. As médias em debate elevam o número mínimo de assinaturas para criação de legendas, de 0,5% para 1,5% do eleitorado. Para o advogado especialista em direito eleitoral, Arthur Rollo, as reformas políticas no Brasil têm pouca abrangência.

“Porque a tendência, infelizmente, é que o legislador legisla olhando para o próprio umbigo. as reformas são aprovada apenas quando maximizam as chances de eleição e de quem já está no poder. Não há tempo para reformas políticas para as próximas eleições, que esses temas sejam amadurecidos para aprovação na próxima legislatura, porque trazem riscos concretos de piora no nosso sistema democrático”, disse, acrescentando que o parlamento também precisa debater formatos de doações de campanha. Deputados reclamam que a proposta do novo código deveria ter sido discutida por uma comissão especial da Câmara.

*Com informações da repórter Camila Yunes

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 7 de setembro de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 7 de setembro de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Publicações Relacionadas

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Homenagem da UFPR à memória do Professor René Dotti

A Universidade Federal do Paraná, por sua Faculdade de Direito, Programa de Pós-Graduação em Direito e o Departamento de Direito Penal e Processual Penal, homenagearão a memória do Professor Titular...

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *