Bolsonaro promete acompanhar eleição em 2022 para evitar ‘sacanagem’

Postado em 9 de outubro de 2021

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse, na última sexta-feira, 08, que vai acompanhar de perto a disputa eleitoral do próximo ano. “O ano que vem tem eleições. Vamos renovar. Prestigiar quem fez um bom trabalho e renovar.  Pode ter certeza que não vai ter sacanagem nas eleições, não. Convidaram as Forças Armadas, nós aceitamos, e vamos participar de todo o processo eleitoral. Vamos acabar com a suspeição. Tudo quase que eu faço passa pelo parlamento”, disse. Bolsonaro voltou a dizer ainda que o Brasil foi salvo a beira do socialismo quando ele foi eleito em 2018 e deu a entender que esse processo poderia voltar caso ele deixe o poder. “Vencemos. Estamos com liberdade. Nós devemos preservá-la. Eu jogo dentro das quatro linhas. Alguns querem que saia fora delas, apesar de outros estarem jogando fora delas. Mas se eu sair fora, a gente já sabe como pode se transformar o Brasil”, comentou.

Neste sábado, 09, a Comissão de Transparência das Eleições, criada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), completa um mês de funcionamento. Anunciada em meio a um cenário de desconfiança no que tange a segurança das urnas eletrônicas brasileiras, o grupo foi instituído justamente com o objetivo de ampliar a lisura em todas as etapas de preparação e realização do processo eleitoral. Integrante da comissão, a coordenadora geral da transparência eleitoral Brasil, Ana Claudia Santana, considera positivo o trabalho feito até aqui. “A comissão é marcada pelo diálogo. Nós que representamos a sociedade civil, para a gente é uma abertura institucional muito importante, nesse esforço por maior transparência no processo eleitoral como um todo. Nesta semana, nós fizemos a segunda reunião, desta vez presencial, em Brasília, junto com abertura dos ciclos democráticos de 2022 e também com a abertura dos códigos fonte das urnas eletrônicas. Nessa reunião a gente pode dialogar sobre um plano de ação específico, elaborado pelo TSE, e que está sendo avaliado por todos os membros da comissão”.

Ana Claudia garante que as eleições são seguras e diz que a transparência sempre existiu, mas que o grande desafio entretanto é levar a informação para a população e combater as fake news em torno do processo eleitoral. Ela criticou ainda o discurso de atores político que alegam serem alvo de fraude nas urnas eletrônicas sem provas concretas. “Ela é muito temerária, isso porque a utilização política desse discurso vai muito além do que efetivamente uma colaboração que a gente possa ter para melhoria dos procedimentos já existentes. A gente entende que a utilização política desse discurso leva a uma deslegitimação do sistema. A partir do momento que se planta uma sementinha do descredito no sistema eletrônico de votação, se manda uma mensagem indireta de que não dá para acreditar no resultado da urna. E isso é muito complicado, principalmente em um tempo tão polarizado como o de agora”, explicou. Ainda segundo a coordenadora, é importante que a população participe de todo o processo eleitoral.

*Com informações da repórter Caterina Achutti

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 9 de outubro de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigo: A PEC dos Precatórios

Um dos temas de maior repercussão recente na mídia é a Proposta de Emenda Constitucional nº 23/2021, que propõe alterações no regime constitucional de pagamento de precatórios. Confira aqui o artigo...

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *