Moraes determina prisão preventiva do blogueiro Allan dos Santos

Postado em 21 de outubro de 2021

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), atendeu a um pedido da Polícia Federal (PF) e determinou a prisão preventiva do blogueiro bolsonarista Allan dos Santos, dono do portal Terça Livre. A decisão foi tomada no dia 5 de outubro – a Procuradoria-Geral da República (PGR) foi contra a prisão. A informação foi inicialmente divulgada pela TV Globo e confirmada pela Jovem Pan.

O magistrado também pediu ao Ministério da Justiça que inicie imediatamente o processo de extradição e inclua o nome de Santos na lista de Difusão Vermelha da Interpol. O blogueiro é investigado pelo Supremo nos inquéritos que apuram a divulgação de notícias falsas e ataques a integrantes da Corte e a atuação de uma milícia digital que atenta contra as instituições do país. O apoiador do presidente Jair Bolsonaro é uma das 66 pessoas cujo indiciamento foi pedido pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Covid-19. Em seu perfil no Twitter, o emedebista comentou a decisão. “Apoiamos a prisão e a extradição do Allan dos Santos determinada pelo ministro Alexandre de Moraes. É a primeira prisão de um dos indiciados da CPI. Fake News, como sustentamos no relatório, também matou muitos brasileiros”, diz a publicação.

Em um trecho da decisão, o ministro do STF escreve que o blogueiro “deixou o país diante das investigações e na tentativa de continuar atuando”. Moraes também afirma que os canais de Allan dos Santos são usados “como verdadeiro escudo protetivo para a prática de atividades ilícitas, aliado ao fato de ter se ausentado do território nacional durante as investigações, passando a perpetrar suas condutas criminosas dos Estados Unidos da América”.

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 21 de outubro de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *