Após elevação do teto de gastos, Ministério da Economia amanhece sujo de tinta

Postado em 22 de outubro de 2021

A manhã desta sexta-feira, 22, começou com reflexos dos últimos acontecimentos no Ministério da Economia, com a elevação do teto de gastos e a debandada de secretários técnicos da equipe econômica. O prédio da Pasta amanheceu sujo de tintas nas cores da bandeira do Brasil, verde, amarelo e azul. Ao total, são mais de 20 manchas em cima do nome “Ministério da Economia”, na fachada principal do edifício. A probabilidade é que a manifestação tenha sido feita com balões de festa cheios de tinta, já que, no início do dia, a equipe de segurança e limpeza do local encontrou os resquícios das bexigas no chão. Segundo os vigilantes, a ação deve ter ocorrido por volta das 3 horas da madrugada, quando ocorre a troca de turnos. O ato está sendo entendido como uma reação negativa da população contra o que ocorreu na última quinta-feira, 21, na Comissão da PEC dos precatórios, a aprovação de uma manobra de chamada de economia criativa para abrir um espaço de R$ 80 bilhões no teto de gastos para financiar o novo programa social do governo Bolsonaro, o Auxílio Brasil, que deve substituir o Bolsa Família. O mercado também não reagiu bem a essa mudança, as bolsas caíram e o dólar subiu. O teto de gastos funciona com o valor do ano anterior, medido de julho a junho somado com a inflação. Entretanto, a mudança estabelece que seja medido de janeiro a dezembro, somando à inflação.

*Com informações do repórter Túlio Amâncio

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 22 de outubro de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *