AO VIVO: Senadores votam relatório final da CPI da Covid-19; acompanhe

Postado em 26 de outubro de 2021

No ato final da CPI da Covid-19, os senadores votam, nesta terça-feira, 26, o relatório final da comissão, de autoria do senador Renan Calheiros (MDB-AL). Minutos antes do início da sessão, o G7, grupo do colegiado formado pelos parlamentares independentes e de oposição, ainda debatia a inclusão ou não do governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), e do ex-secretário de Saúde do Amazonas Marcellus Campêlo na lista de pedidos de indiciamento. Segundo o senador Otto Alencar (PSD-BA), foi costurado um acordo, na noite da segunda-feira, 25, para incluir os dois nomes, atender a um pedido do senador Eduardo Braga (MDB-AM) e garantir os sete votos do bloco majoritário para a aprovação do parecer.

“Consegui que o Eduardo Braga conversasse com o Aziz [sobre esse assunto], até porque a CPI surgiu pelo requerimento que foi feito em razão da crise de Manaus. Tivemos problemas com o secretário de Saúde, com o governador, que é réu dentro desse processo, várias ações da PF. Nessa conversa do Aziz com Braga, eu estava presente e praticamente se chegou à conclusão de que deveria constar o nome do governador e do secretário de Saúde como indiciados. Ficou mais ou menos combinado. Falei com o Renan Calheiros hoje de manhã e com o Eduardo Braga e acho que isso é o que vai constar no relatório”, disse Otto. No total, o relatório do senador Renan Calheiros pedirá o indiciamento de 78 pessoas. Acompanhe a cobertura ao vivo da Jovem Pan:

10:40 – Contarato faz apelo por indiciamento de Bolsonaro por genocídio de indígenas

O senador Fabiano Contarato (Rede-ES) pediu ao senador Renan Calheiros (MDB-AL) que inclua em seu relatório o pedido de indiciamento do presidente Jair Bolsonaro pelo crime de genocídio de indígenas. “Aqui nesta CPI vigora o princípio do in dubio pro societate. Eu tenho que proteger a sociedade. Se o Ministério Público entender que o crime contra a humanidade absorve o genocídio de povos indígenas, perfeito. Eu estarei aqui, como defensor da democracia, atendendo. Faço este último apelo: coloque o genocídio de indígenas no relatório de Vossa Excelência, porque mais de 1.200 indígenas perderam a vida”, disse Contarato. “É uma política anti-indigienista o que o governo federal tem feito. Com a Covid-19, ele só agravou e tem a digital na morte desses nossos irmãos”, acrescentou.

10:35 – Eduardo Braga retira voto em separado; Girão pede inclusão de outros governadores

O senador Eduardo Braga (MDB-AM) retirou seu voto em separado, que acolhia a íntegra do parecer do senador Renan Calheiros (MDB-AL) e pedia o indiciamento do governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC) e do ex-secretário de Saúde do Estado Marcellus Campêlo. A inclusão foi feita por Calheiros. Na sequência, o senador Eduardo Girão (Podemos-CE), integrante da tropa de choque governista na CPI, pediu à cúpula da comissão que incluísse governadores de outros Estados, como Pará e Santa Catarina, e do secretário-executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Eduardo Gabas. “Por questão de coerência, isonomia e justiça”, justificou.

10:33 – Aziz sobre live de Bolsonaro: ‘Presidência não é cargo de boteco’

No início da sessão, o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), falou sobre a live da quinta-feira, 21, na qual o presidente Jair Bolsonaro disseminou uma notícia falsa e afirmou que pessoas vacinadas contra a Covid-19 estão desenvolvendo AIDS – a transmissão ao vivo foi retirada do ar pelo Facebook, pelo Instagram e pelo YouTube. “É muito grave o que foi colocado pelo presidente. O Congresso tem que se posicionar em relação a isso. A Presidência é uma instituição. A Presidência não é cargo de boteco, em que voce fala o que quer tomando cerveja e comendo churrasquinho. O presidente da república, que se reporta ao povo baseado em um estudo que não tem cabimento nenhum e fala uma coisa dessas quando estamos implorando para a população se vacinar, veja bem. Tem gente ainda que diz para mim ‘será que a PGR vai engavetar?’. Os fatos são maiores do que qualquer argumento que se possa escrever. São provas que foram dadas à população brasileira”, disse Aziz.

10:26 – Sessão é aberta

Presidente da CPI da Covid-19, Omar Aziz (PSD-AM), abre sessão desta terça-feira, 26.

 

 

Fonte do artigo:

Política – Jovem Pan

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site abaixo.
Autoria do texto: Jovem Pan.
Data de Publicação: 26 de outubro de 2021.
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

Aviso Legal

A COJAE acredita que a propagação de informações relevantes e responsáveis pode ajudar a sociedade. Por isso, mobilizou sua equipe editorial em prol de confrontar as diferentes visões a respeito dos mais variados assuntos, a fim de difundir somente informações que acredita serem baseadas em fatos.
Os conteúdos aqui ora publicados estão livres do alarmismo, sensacionalismo e interesse político-ideológico amplamente divulgado pelas grandes mídias, incluindo canais de televisão e gigantes redes sociais que manipulam infielmente os dados.

Explore Seus Tópicos Favoritos

Leia mais artigos publicados em nosso blog navegando pelas categorias abaixo. Clique aqui para acessar nosso blog.

Notícias
Direito
Judiciário
Ética
Arbitragem
Editorial
Ideologia
Justiça Federal
Teologia
Todas as Categorias

Selecionadas do editorial

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *